Caminhando...
 
08
Abr 09

(imagem retirada da internet) 

 

Não há dia que passe em que não ouça música!
Desta feita, apeteceu-me ouvir músicas que já há imenso tempo não ouvia, como por exemplo o grupo The Corrs, uma banda irlandesa. Uma das suas mais conhecidas melodias tem o nome de “So Young”.
 
 
É fantástico quando somos jovens, e temos vontade, e até liberdade para fazer o que nos apetece. Não existem responsabilidades, e só se vê um único lado da vida. O lado risonho, alegre e totalmente ausente de problemas de maior.
É realmente óptimo passar por esta fase, mas considero melhor ainda ter-se a verdadeira noção da vida no seu todo, dando ainda mais valor a um sorriso, a uma valente gargalhada ou a momento feliz.
Muitas vezes existe um imenso desejo de, como vulgarmente se diz, “voltar a ser jovem” algo que compreendo perfeitamente pois, existe uma certa altura em que o cansaço provocado pela atribulada e desgastante vida é tal que existe o desejo de voltar a esta fase de pura inocência.
Apesar de ainda ser uma aprendiza nestas andanças, considero que tendo a noção do que nos rodeia, podemos ter a grata satisfação de descortinar o caminho que conduz ao amadurecimento. Mesmo que longo e sinuoso, este caminho é a chance de escrevermos a nossa própria história.
 
Talvez o ideal fosse conseguirmos manter um pouco destas duas tão distintas realidades…
publicado por Caminhando... às 13:29
Olá outra vez,
Venho retribuir a visita e desde já quero dizer que apesar de apenas ver alguns posts, gostei bastante do teu blog e a música também está muito bem.
Quanto a este post, não sei se já viste o filme "O estranho caso de Benjamim Button"??!! Depois contas mais...
Beijinhos
ppmiguel a 14 de Abril de 2009 às 00:26
Olá!
Antes de mais muito obrigada pela visita e simpatia no comentário!
Não vi o filme, mas já li resumos e algumas partes do filme. Óptima ligação que fizeste. No fundo o que aqui escrevi, vai ao encontro da história contada!
Beijinho*
E se não te importares vou-te adicionar ; )
Bem, se não viste o filme, recomendo-te vivamente que o faças. Parece-me uma lição de vida que vem ao encontro do que escreves e muito mais. Mas isso terás de confirmar por ti própria e como disse antes, depois contas...
Beijinhos, boas escritas e bons caminhos
Tenho mesmo todo o interesse em ve-lo!
Assim que seja possivel verei com certeza!
Quando o vir, que farei com que seja para breve, comento-o depois contigo ; )
Beijinho e boas corridas para ti!
olá, Joaninha.
eu tento manter um pouco dessas duas distintas realidades (como disseste) embora, confesso, o peso das responsabilidade seja um bocadinho maior do que o peso da descontracção mas, com em tudo, tento manter os dois lados... acho que dava em louca se assim não fosse (a vida não pode ser só responsabilidade e problemas).
beijinhos.
boa páscoa.

ps. há que tempos não ouvia essa música...!!!
mafalda a 9 de Abril de 2009 às 13:16
Olá :)
Penso que o ideal é mesmo mantermos e sabermos conciliar estas duas realidades, pois senão, tal como dizes, damos em doidos...
O peso da responsabilidade é sem dúvida maior do que o da descontração, requer muito mais de nós...

Há uns bons anitos que não a ouvia tb ;)
Beijocas e boa páscoa!
Doce Joana,

É bom passar por todas as etapas da vida, tudo tem o seu tempo certo, no entanto, nada é definitivo ou incontornável...Um misto de tudo o que são vivências presentes ou passadas é o ideal...assim saibamos conciliá-las...

Beijinho com ternura
Margarida
MIGUXA a 8 de Abril de 2009 às 23:28
Olá!
E já disseste tudo!
Gosto imenso das palavras que , com tanto carinho aqui me deixas. Fazem-me reflectir de tão ricas que são!
Mto Obrigada amiga Miguxa!

Beijinho ternurento!
Isso seria memso o ideal, não sei é se será sempre possível...

Beijinhos
Sorriso a 8 de Abril de 2009 às 15:47
Olá!
Nem sempre é possivel, mas é essencial que os conciliemos pois, se assim não for, damos em maluquitos.
Beijinho e obrigada pela tua visita
Também gosto muito desta música, é muito bonita, devemos ser sempre nós a escrever a nossa história, porque aprendemos muito.
bj
estrelaquebrilha a 8 de Abril de 2009 às 15:13
Olá!
Antes de mais Obrigada pela visita!
Realmente é extremamente enriquecedor podermos escrever a nossa própria história, o que tal como tudo, por vezes não sucede..
Beijinhos
Mas por vezes e infelizmente deixamos que outros escrevam as nossas histórias..l

beijinhos
Marta a 8 de Abril de 2009 às 14:49
Olá!
Infelizmente, isso acontece...
Beijinhos
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
20
21
23
25
26
28
29
Online
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Visitas
Free Website Counters