Caminhando...
 
24
Abr 09

(imagem retirada da internet)

 

Hoje, ao vir para casa, apanhei como habitualemnte o comboio. Ao sair da estação ferroviária, ouço gritos, e ao aperceber-me de onde estes vinham, vi uma Sra estendida no chão, com dois rapazes em cima. Achei estranhissimo e acelarei o passo. Instantes depois, ouço a Sra gritar “Socorro, ladrões” e vejo dois rapazes (novissimos) com um ar assustado a correrem na minha direcção. Ao aperceber-me que eram estes os ladrões, e a razão para o desespero da tal Sra, tenho como primeira e instintiva reacção, esticar os dois braços tentando pará-los, tendo em conta que, estes, passaram mesmo junto a mim, e a grande velocidade. O que me impediu de o fazer, foi o facto de estarem ambos armados com facas, estando um, numa optima posição para me atingir.

Quando olhei para trás, vi os rapazes a correrem de forma maluca, tendo sido o mais incrivel, o facto de que, mesmo sabendo, pois  já se tinham apecebido do que se estava a passar, as pessoas que estavam atrás de mim, tiveram como reacção, olhar para os rapazes e continuar a seguir o seu caminho.

Uma das situações que mais me chateou foi o facto de estarem dois homemzarrões (perdoem-me, mas tinham realmente um bruto fisico), imediatamente atrás de mim, e terem, com toda a calma, olhado para os rapazes e para a Sra., rido e seguido os seus caminhos.

 

Compreendo perfeitamente que uma pessoa sózinha não é capaz de dar conta de duas pessoas armadas, mas era assim tão complicado mostrarem um pouco de mais consideração pela pessoa lesada?

 

Entristece-me muitissimo ver a falta de entre ajuda, de solidariedade e, sobretudo de respeito entre as pessoas.

Será assim tão complicado fazer algo pelo próximo?

Será assim tão complicado perceber que não vivemos sozinhos e que só ajudando-nos uns aos outros é que poderemos viver da melhor forma?

Não temos de ser Madres Teresas, nem andar constantemente de mão estendida oferecendo ajuda, mas talvez  mostrando mais respeito pelo outro, houvesse um mundo mais calmo, e sem dúvida mais pacifico.

 

Falando de coisas mais animadoras, fui mimada pela amiga Um mel doce  e Mafalda com este prémio:

 

 

 

E novamente pela amiga Mafalda e pela amiga  TigerKaty com estes dois prémios:

 

 

Muito Obrigada

 

Vou então atribui-los aos seguintes blogs:

Um breve olhar

- Miguxa
- Estupefacta
- Azul do Céu
- Sonhando aos quarenta

Blogando-me

 

publicado por Caminhando... às 21:14
é triste ver onde este mundo vai parar! aqueles dois "homemzarrões" (como escreveste), riram porque não foi nada com eles... quando for com eles, já não vai ter tanta piada!
sinto muito pela senhora mas estou contente por não ter acontecido nada contigo.
quanto aos mimos, ficam aqui que nem um mimo ;)
beijinhos, joaninha.
mafalda a 27 de Abril de 2009 às 10:23
Olá amiga!
É muito engraçado quando acontece aos outros...
É triste não ver um pouco de sensibilidade e compaixão em algumas pessoas...
A Sra ficou bem (fisicamente digo).
Muito Obrigada pelo teu cuidado :)
Beijinho querida
É verdade, o poder da natureza enche-nos a alma.
Acho horroroso o medo que o crime está a causar em Portugal. As pessoas têm medo dos ladrões como se eles fossem alguns monstros inderrotáveis. Eu tenho na teórica, mas quando chega a prática o meu ego deve encher-se de orgulho e acabo por agir como se fosse mais forte que eles. Nunca cheguei a ser ameaçada nem assaltada, mas sempre que passo por "rufias" lanço-lhes um olhar de ameaça enorme, mesmo sem o querer. E por momentos sinto-me como uma super heroína, do tipo: aproximem-se e vão ver.

Beijinhos
Marta a 26 de Abril de 2009 às 22:11
Olá Marta!
É uma atitude corajosa mas não sei se muito consciente das maldades de que muita gente é capaz. Tem cuidado, e esperemos que com teu olhar de ameaça eles se mantenham longe ;)
Beijoca
Triste por viver num mundo como este. Aqui deixo o meu ombro amigo. bj
TiBéu ( Isa) a 26 de Abril de 2009 às 01:32
Olá,
Muito triste mesmo. Em vez de baixar os braços tenho uma imensa vontade de o tentar melhorar! Esperemos que tudo corra bem!
Muito Obrigada ;)
Beijinho carinhoso para ti!
obrigado pelo miminho Joana.

Image
blogando-me1 a 25 de Abril de 2009 às 21:46
De nada querida!
Um beijinho e continuação de bom fim de semana!
Olá Joana,
Infelizmente estas situações acontecem com mais frequência do que aquilo que seria desejado.
Vivemos numa sociedade cada vez mais perigosa e cada vez mais egoista também.
O que é certo, é que qualquer um de nós está sujeito a passar por algo semelhante e todos gostam de ser ajudados.
Mas foste bem corajosa!
Obrigada pelos prémios.
Beijinhos
azuldoceu a 25 de Abril de 2009 às 18:43
Olá Azul do Céu!
De dia para dia assistimos a um aumento do egoismo por parte das pessoas.
Tal como dizes, todos gostam de ser ajudados, mas muitos nem se dignam a mexer-se um pouco que seja..
Agradeço-te mas não acho que tenha sido corajosa, penso que fiz (pensei) o que pude para tentar que esta situação acabasse da melhor forma.
Beijinhos e fico mto contente por teres gostado dos prémios :)
Doce Joana,

Cada vez mais se verifica que cada um vive por si e pouco lhe importa o outro... É triste mas é a dura realidade...

Fico muito feliz pelos teus mimos... vou publicar com muito gosto.

Beijinho e óptimo fim-de-semana
Margarida
MIGUXA a 25 de Abril de 2009 às 18:43
Olá amiga!
É realmente muito triste. Mais triste ainda considero a total falta de vontade para que algo mude...
Fico contente por teres gostado! Já vou ao teu cantinho!
Beijinhos e continuação de bom fim de semana!
Estas situações injustas deixam-nos sempre com um "sapo" atravessado na garganta... Custa realmente a crer que ninguém se tenha disposto sequer a gritar o a fazer fosse o que fosse para mostrar a sua indignação pelo que estava a acontecer. Foste corajosa em mostrar que ao menos não te conformavas com o que se tinha passado.
É pena que assim seja para essas pessoas, porque um dia podem estar no lugar dela e iam querer que alguém lhes defendesse...
Bjns
cuidandodemim a 25 de Abril de 2009 às 17:34
Olá!
Não me conformo com estas situações!
Penso que ainda não é compreendido por muita gente que para poder ser ajudado, é necessário ajudar também. É necessário fazer, o que se pretende receber!
Mas pronto, se tudo correr bem, daqui a um tempinho, poderei fazer algo, e deixar de me sentir tao impotente quando ocorrem estas situações!
Beijinho e continuação de bom fim de semana, sobretudo descansa ; )
Olá minha miga,
O facto que observaste e descreveste em pormenor, entristece qualquer pessoa de bom senso.
Lamentável, é a cobardia de certas pessoas com ou sem muito físico que não actuam nestes momentos insólitos. A isso chama-se cobardia.
Existe medo, e isso é muito mau... Já corri riscos, mas não baixei nunca os braços perante situações do género. Não fosse eu antigo operacional da tropa, em que nada me mete obstáculo.
Cumprimentos,
Carlos Alberto
umbreveolhar a 25 de Abril de 2009 às 05:04
Olá!
Cobardia será mesmo o termo certo. Estas situações deixam-me muito triste, mas com uma imensa vontade de, tentar mudar um pouco este mundo e torna-lo um pouco melhor. Sinto-me impotente quando ocorrem situações destas... E é por isso mesmo que já traçei o meu objectivo futuro, e se tudo correr bem, farei o melhor que posso!
Cumprimentos e continuação de bom fim de semana!
Olá minha amiga,
Agradeço reconhecidamente a gentileza de me teres oferecido os prémios que com muita honra vou publicar no meu blog: Prémios Atribuídos.
Cumprimentos do amigo,
Carlos Alberto Borges
umbreveolhar a 24 de Abril de 2009 às 23:45
Olá amigo,
É com todo o gosto que tos atribuo. São sem dúvida merecidos!
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
20
21
23
25
26
28
29
Online
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Visitas
Free Website Counters