Caminhando...
 
30
Ago 09

 

(Imagem encontrada aqui)

 

É, por isso, crucial desfrutar cada momento, em vez de estar à espera Do Momento!

publicado por Caminhando... às 17:13
26
Ago 09

(imagem retirada da internet)

 

“Não há tempo para nada, estamos todos cheios de pressa: não há tempo para ler, nem telefonar a um amigo só para saber se está tudo bem. Como não há tempo, as pessoas por vezes ligam-se e dizem: “Olha, só te liguei para te pedir um favor” e depois de o fazerem, invariavelmente desligam prometendo que para a semana iremos almoçar. E até iríamos se houvesse tempo, mas não há. E assim não vamos almoçar. As pessoas só têm tempo quando estão presas no trânsito ou numa situação em que são obrigadas a ter tempo, tipo presas no trânsito. Ou então à espera do autocarro. Ou à espera da sua vez na consulta. Ou à espera de ser atendido na fila longa. As pessoas têm tempo quando estão à espera. É um tempo forçado, como se fosse numa prisão domiciliária, uma liberdade condicional, mas é tempo. Se não houvesse filas de trânsito ou do talho, ninguém teria sequer este tempo, que não é bem aquele tempo no seu estado mais puro, como o tango de Gardel.
 
Ás vezes ligam-me pessoas que parecem ter tempo para mim e interromperam o seu dia para me perguntar como é que estou: “Que é feito de ti que nunca mais disseste nada?”; que me têm visto aqui e ali, que estou em grande. Perguntam-me se eu tenho falado com aquele amigo que ambos temos em comum ­ – “Ainda andas com aquela?” – se estou mesmo bem, se sempre me mudo, se é verdade o que lhes haviam dito, até que de repente, abruptamente me dizem: “Olha! Chegou a minha vez, estão a chamar o meu nome nas colunas!”; que têm de entrar, mas que ligam mais tarde. As pessoas que dizem que ligam mais tarde nunca ligam mais tarde. As pessoas que dizem que ligam mais tarde quando ouvem o seu nome nas colunas são iguais às que dizem que para a semana iremos almoçar. Não vêm almoçar. Não vão ligar mais tarde. Não vão mais nada.
 
As pessoas sem tempo não o procuram porque se habituaram a não o ter. E quando alguém se lhes abeira e anuncia que tem tempo para lhes dar, assustam-se com essa perspectiva e dizem logo que não têm tempo para isso: “Ai que tenho isto para fazer, ai que não posso, ai que não me dá jeito, ai que não consigo, ai que é impossível!” As pessoas sem tempo não quem tê-lo e por isso o matam. Há pessoas que passam a vida a matar o tempo e deviam ser presas por isso como um qualquer homicida. Porque aí, voltaríamos a ter tempo, como se estivéssemos numa fila de trânsito, à espera que a coisa ande.”
 
Fernando Alvim
 
Custará assim tanto arranjar tempo para quem se gosta? Muito sinceramente acredito que, quando realmente se gosta existe tempo, nem que seja para mandar uma mensagem a saber se está tudo bem ou só para dar um "Olá!" como que a dizer: "Lembrei-me de ti, és importante para mim."
A sociedade em que vivemos e em que naturalmente estamos mergulhados exige muito de nós a todos os niveis mas, para quem mais gostamos e para quem precisa, existe sempre tempo. Havendo vontade, arranja-se tempo. Não valerá a pena aproveitar quem temos aqui, valorizando-os e mostrando-lhes que não nos esquecemos deles?
Penso que é necessário e de extrema importância fazer-se uma mudança e olhar em mais do que uma direcção, em vez de somente se canalizar esforços para sucessos e crescimentos individuais.
publicado por Caminhando... às 21:18
22
Ago 09

Desde que ouvi esta música pela primeira vez, a letra chamou-me logo a atenção. Acho-a muitíssimo bonita pois passa uma mensagem a ser interiorizada e importante para que nunca percamos a Dignidade e o Respeito por nós.

 

(para ouvir é melhor desligar primeiro a playlist)

 

Toda ela é lindíssima mas destaco:
 

“I Believe I have inside of me
Everything that I need to live a bountiful life
With all the love alive in me
I'll stand as tall as the tallest tree
And I'm thankful for each day that I'm given
Both the easy and the hard ones I'm living
But most of all
I'm thankful for loving who I really am
I'm beautiful
Yes I'm beautiful
And I'm here.”

publicado por Caminhando... às 22:06
20
Ago 09

(imagem retirada da internet)

 

"Primeiro pára, senta-te e pensa o que pretendes de bem. Depois, pondera, não as hipóteses teóricas, mas as possibilidades reais. Então, entre duas realidades, podes escolher a melhor. Discernir não é descobrir a única hipótese boa, é decidir, entre coisas boas, qual é a melhor, a mais construtiva para ti e para os outros. Se é fácil ou difícil, isso não conta."

 

Vasco Pinto de Magalhães, in 'Não Há Soluções, Há Caminhos'
publicado por Caminhando... às 21:15
18
Ago 09

Vocês, para minha imensa alegria, já me premiaram por diversas vezes, para além da vossa companhia e carinhosas palavras, com alguns prémios/mimos!

Como sinto alguns de vós meio tristonhos e vos estimo bastante quero oferecer-vos algo!
Não sou lá grande coisa a editar imagens e afins por isso, optei por algo simples e espero que gostem ao ponto de levarem o miminho para os vossos cantinhos!
Vou então, em sinal de companheirismo, carinho e ternura  para convosco, mandar-vos este abraço bem aconchegado. Espero que gostem e sobretudo que o aceitem!  
 
E os alvos do miminho são:
- Mónica (madrinha)
16
Ago 09

(imagem retirada da internet)

 

“Não tenha medo da vida, tenha medo de não vivê-la.
Não há céu sem tempestades, nem caminhos sem acidentes.
Só é digno do pódio quem usa as derrotas para alcançá-lo.
Só é digno da sabedoria quem usa as lágrimas para irrigá-la.
Os frágeis usam a força; os fortes, a inteligência.
Seja um sonhador, mas una os seus sonhos com disciplina,
Pois sonhos sem disciplina produzem pessoas frustradas.
Debata ideias. Lute pelo que ama!”
 
Augusto Cury
 
Quando existe receio demora mas, tão bom que é viver abrindo os braços de forma a abraçar a vida! Tudo o que a vida trouxer é bem vindo e deverá ser aproveitado e valorizado da melhor forma. O que de menos bom esta trouxer,  há de conseguir ser superado de modo a que, a continuação da caminhada seja feita de um modo mais reforçado, protegido! Há que pelo menos tentar...
publicado por Caminhando... às 21:27
10
Ago 09

(imagem retirada da internet)

 

"Onde vês um obstáculo,
Alguém vê o término da viagem
E o outro vê uma oportunidade de crescer.

Onde vês um motivo para te irritares,
Alguém vê a tragédia total
E o outro vê uma prova para a sua paciência.

Onde vês a morte,
Alguém vê o fim
E o outro vê o começo de uma nova etapa...

Onde vês a fortuna,
Alguém vê a riqueza material
E o outro pode encontrar por detrás de tudo, a dor e a miséria total.

Onde vês a teimosia,
Alguém vê a ignorância,
Um outro compreende as limitações do companheiro, percebendo que cada um caminha a seu próprio ritmo.
E que é inútil querer apressar o passo do outro, a não ser que ele deseje isso.

Cada qual vê o que quer, pode ou consegue enxergar.
 
Porque eu sou do tamanho do que vejo, e não do tamanho da minha altura."
 
Fernando Pessoa 
publicado por Caminhando... às 17:18
07
Ago 09

(imagem retirada da internet)

 

Nestes últimos dias, passei por uma situação que me fez, mais uma vez, reflectir relativamente à dificuldade de muitos em exteriorizar emoções e palavras.

Muitas são as palavras que, para muitos de nós, custam proferir.

Uma das que mais custa a proferir e consequentemente muito poucas vezes se ouve é o pedido de desculpas.

Para muitos, pedir desculpa é como que uma humilhação, fazendo com que até se sinta perda de dignidade…

Será assim tão complicado assumir um erro?

Será tão difícil enfrentar de frente sabendo que, fazendo-o, se evitaria o fim de algo importante, como uma amizade por exemplo?

Não é fácil pedir desculpa tendo em conta que, ao estar frente a frente com a pessoa lesada por nós, a culpa e até eventualmente a vergonha é tal, que as palavras custam a sair mas, será motivo para não tentar fazer um esforço para corrigir o que se fez…

Muitas vezes, é sentido que se deve um pedido de desculpas mas, existe uma imensa dificuldade em exteriorizar o arrependimento.

Seja o que for, deixar feridas abertas é do pior que há, tanto para o autor do erro, como para a pessoa lesada.

Por vezes, o erro até é irrisório mas, não há humildade suficiente para o assumir, fazendo assim com que, uma amizade ou uma boa relação acabe…

Ficará uma consciência tranquila sabendo que nada fez para corrigir um erro?

 

Uma pessoa ao pedir desculpa não se está a humilhar nem a perder dignidade, muito pelo contrário, está a mostrar humildade e sobretudo a assumir o que fez, tentando corrigi-lo.

publicado por Caminhando... às 18:28
música: The show must go on - Queen
03
Ago 09

(imagem retirada da internet)
 
“Sabes qual o erro que cometemos sempre? Acreditar que a vida é imutável, em que, mal escolhemos um carril, temos de o seguir até ao fim. Contudo, o destino tem muito mais imaginação do que nós. Precisamente quando se pensa que se está num beco sem saída, quando se atinge o cúmulo do desespero, com a velocidade de uma rajada de vento tudo muda, tudo se transforma, e de um momento para o outro damos por nós a viver uma vida nova.”
 
in Vai Aonde te Leva o Coração
Susanna Tamaro
publicado por Caminhando... às 23:59
01
Ago 09

(imagem retirada da internet)

 

Nestes últimos tempos, tenho sido invadida por uma imensa paz de espirito. Sinto-me bem, sinto-me feliz, sinto o coração quentinho de conforto.

Tão bom que é saborear a bonança...

Ser feliz é, tal como diz Pessoa:

 

"Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de
todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e
tornar-se um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de
encontrar um oásis no recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.”

Fernando Pessoa

 

Vou aproveitar e saborear todos os minutos e segundos deste momento... pois, o melhor de ter, é saber dar valor e aproveitar ao máximo!

E, como tudo o que é bom só tem real gozo quando partilhado, mando-vos doses desta luz e magia que tenho a sorte de saborear e que tem o nome de Felicidade:

 

(imagem retirada da internet)

 

Um enorme sorriso para todos  

 

E, para me aquecer um pouco mais o coração, a minha querida e terna amiga Miguxa deu mais uma prova da sua amizade e ternura. Muito Obrigada querida amiga!

publicado por Caminhando... às 20:44
música: Alegria - Cirque du Soleil
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
15
17
19
21
23
24
25
27
28
29
31
Online
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Visitas
Free Website Counters