Caminhando...
 
02
Fev 11

 

 

(…)

"Mas é preciso morrer e nascer de novo
semear no pó e voltar a colher
há que ser trigo, depois ser restolho
há que penar pra aprender a viver


E a vida não é existir sem mais nada
a vida não é dia sim, dia não
é feita em cada entrega alucinada
pra receber daquilo que aumenta o coração."

(…)

Mafalda Veiga – “Restolho”

lindo este poema da Mafalda Veiga de quem gosto tanto... e mais uma vez, tão importante o sentido das palavras e o desenvolvimento da resiliencia...
um beijinho de boa noite Joana
Obrigada
Sempre
Isabel
Isabel Maia Jácome a 3 de Fevereiro de 2011 às 00:46
Olá Isabel,

Esta cantora tem mesmo letras lindissimas!
Obrigada eu pela presença : )

Um beijinho e feliz fim de semana
Caminhando... a 4 de Fevereiro de 2011 às 22:42
Fevereiro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
mais sobre mim
pesquisar neste blog