Caminhando...
 
13
Jun 11

 

 

“E se o mundo for apenas uma grande desilusão? A não ser que peguemos nas coisas que não gostamos deste mundo, e as viremos ao contrário. Podemos começar a fazê-lo... já HOJE!

- Este sou eu e aqui estão três pessoas, e eu vou ajudá-las, e elas ajudam três pessoas, e estas ajudam mais três. Tem de ser algo grandioso, algo que elas não consigam fazer por si próprias.”

(Tradução de parte do trailer)

 

 

  

(imagens retiradas da internet)

 

 

“Faça todo o bem que puder,

com todos os recursos que puder,

por todos os meios que puder,

em todos os lugares que puder,

em todos os tempos que puder,

a todas as pessoas que puder,

sempre e quando puder.”

John Wesley

 

Foi um filme que me tocou, porque eu vejo assim a vida. Amar e dar aos outros, primeiro, muito antes de me preocupar comigo, mas também teve um fim terrível... Por vezes as pessoas não alcançam tudo isto e confundem-no com tanta coisa muito longe do que se quer. Mas seria tão lindo que cada um de nós se "despisse" de olhar e "avaliar" e "reavaliar" os outros e os amassemos com a nós mesmos, os considerássemos irmãos e os tivéssemos dentro do peito sempre, dando compreensão, amor, alegria perdão isso já era uma grande coisa. O resto viria por acréscimo. Bja Joaninha, são lindas as mensagens que passa. Tudo de bom para si e os seus amiga, boa semana!
Fátima Soares a 13 de Junho de 2011 às 14:38
Olá Fátima!
Confesso que ainda não vi este filme, vi-o em partes e fiquei logo a gostar dele. Tenho de tratar de o ver todo.

Ver o outro como um ser "igual" seria realmente um bom começo, tendo em conta que cada vez há uma maior distancia entre seres.

Um beijinho e obrigada pelas palavras.Boa semana.

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Junho 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
21
22
23
24
25
26
28
30
mais sobre mim
pesquisar neste blog