Caminhando...
 
09
Jan 12

 

 

“Sou um só, mas ainda sou um. Não posso fazer tudo, mas posso fazer alguma coisa. E, por não poder fazer tudo, não me recusarei a fazer o pouco que posso.”

 

Autor desconhecido

Olá Emilia,

Sabes o que sinto que faz falta que reconheçamos? Que vale a pena. Por nós, pelos outros e pela vida.
Tal como dizes, se cada um fizer um pouco, e sobretudo, se estivermos atentos, tudo se torna mais fácil.
Sim, os afectos muitas vezes significam mais do que pão. Só o facto de as pessoas se sentirem "vistas" enche-lhes a alma.

Obrigada, Emília. Retribuo todo o carinho e faço-te chegar um abraço com muita ternura! Bom fim de semana
Caminhando... a 15 de Janeiro de 2012 às 11:55
Janeiro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30
31
mais sobre mim
pesquisar neste blog